Ataque russo à fábrica espacial em Dnipro, na Ucrânia, mata três e deixa 15 feridos

 

Pelo menos três pessoas morreram e 15 ficaram feridas após um ataque com mísseis russos na cidade ucraniana de Dnipro, na noite desta sexta-feira (15).

O governador regional Valentyn Reznychenko disse em sua página no Facebook que os foguetes atingiram uma planta industrial e uma rua movimentada ao lado. A fábrica de Yuzhmash da Dnipro constrói naves espaciais, lança-foguetes, tratores, ferramentas e outros tipos produtos industriais.

Também constrói satélites, um dos quais foi lançado ao espaço pela empresa SpaceX, de Elon Musk.

O Ministério da Defesa da Rússia disse em comunicado neste sábado (16) que as forças armadas russas, de fato, destruíram uma fábrica em Dnipro que produzia peças para mísseis balísticos Tochka-U.

Enquanto o foco da guerra, agora em seu quinto mês, mudou-se para a região leste de Donbass, na Ucrânia, as forças russas têm atacado cidades em outras partes do país com mísseis e foguetes, no que se tornou um conflito cada vez mais desgastante.

O porta-voz do Ministério da Defesa da Ucrânia disse na sexta-feira que apenas 30% dos ataques russos atingiram alvos militares, com o restante atingindo locais civis.

Essa afirmação não pôde ser verificada pela Reuters.

A Ucrânia diz que cerca de 40 pessoas foram mortas em ataques desse tipo em áreas urbanas nos últimos três dias.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.